Guia antidengue





Os riscos da vez

O Ministério da Saúde prevê uma possível alta de dengue no verão 2012, por duas razões. Há o retorno do DENV 4, um tipo do vírus que causa a doença. "Ele circulou pela primeira vez no Brasil nos anos 80, restrito a Boa Vista (RR). Neste ano, reapareceu em vários estados", diz Giovanini Evelin Coelho, coordenador do Programa Nacional de Controle da Dengue do Ministério da Saúde, em Brasília. Muitas cidades – algumas litorâneas em que você curte o verão – mantêm condições propícias à vida do Aedes aegypti, mosquito transmissor dos vírus. Exemplo: abastecimento irregular, o que leva moradores a armazenar água em caixas e tonéis, por vezes mal vedados. Reservatórios são prato cheio à proliferação do mosquito…

A chance ao mosquito

Depois do churrasco, bate preguiça de dar uma geral na casa: você cochila e deixa copos com resto de água aqui e ali? Esqueceu um balde cheio no canto da garagem após lavar o carro? Mancadas assim ajudam o Aedes aegypti. Não é por estar de férias que você pode relaxar na atenção com a água parada: em latas, vasos, pneus, lixeiras, ela é o berço de reprodução do mosquito.

A hora da encrenca

"O Aedes aegypti costuma picar de dia, das 9h às 16h", diz Pedro Tauil, epidemiologista da Universidade de Brasília (UnB).

Sua prevenção

Esvazie tudo quanto é recipiente que encheu d¿água. Repelentes ajudam – reaplique a cada três horas. Velas de citronela e repelentes elétricos funcionam em locais fechados e não muito amplos – o quarto.

Sintomas da picada

Dengue dá febre alta, dor de cabeça, atrás dos olhos e no corpo. "Também podem surgir manchas avermelhadas na pele e sangramentos na gengiva."

Se tiver os sintomas…

Tome muito líquido. "O melhor para prevenir quadros graves é a boa hidratação", diz Tauil. Vá ao pronto-socorro para fazer exame de sangue e confirmar se é dengue. Em caso positivo, vai receber o tratamento adequado.

O que jamais fazer se tiver os sintomas

Nem pense em tomar remédios à base de acetilsalicílico e anti-inflamatórios, como aspirina: aumentam o risco de hemorragias.

Guia antidengue Guia antidengue Editado por saude.chakalat.net on 09:04 Nota: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.